Home / Notícias / Começa capacitação da terceira turma do programa ‘Frentes da Cidadania’

Começa capacitação da terceira turma do programa ‘Frentes da Cidadania’

Aula inaugural foi realizada com a presença do vereador Toninho do Mel

 

Pessoas desempregadas e em situação de vulnerabilidade social encontram nos cursos de qualificação oferecidos no Espaço Kaparaó uma oportunidade de geração de renda. Na quarta-feira (10), o vereador Toninho do Mel (PT) acompanhou a aula inaugural com 27 selecionados pelo Programa de Incentivo à Inclusão Social (PIIS) Frentes da Cidadania, aprovado pela Câmara Municipal, e coordenado pela Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac).

“A gente sabe que os cursos estão chegando a quem mais precisa”, salientou a coordenadora de Trabalho e Economia Criativa e Solidária, Camila Capacle. No acolhimento ao grupo, a gestora do PIIS, Giovana Batista de Carvalho, enfatizou o viés solidário da iniciativa. “Sabemos que as lutas que vocês travam lá fora são grandes, mas agora vocês terão com quem dividir as dificuldades.”

De acordo com Giovana, desde o início do programa, em 2017, mais de 130 pessoas receberam qualificação profissional, que inclui duas semanas de aulas de Formação Cidadã, com técnicos da Prefeitura, além do curso “Empreendedor de Pequenos Negócios” de 160 horas, oferecido pelo Senac.

Uma oportunidade que abre portas, na opinião do vereador Toninho do Mel. “Este programa é muito significativo, porque, sem qualificação, a luta por um emprego fica ainda mais difícil. Eu sou um exemplo de que nunca é tarde para aprender algo novo. Entrei na Câmara apenas com o terceiro ano do Ensino Fundamental e agora vou fazer até faculdade”, reforçou o parlamentar.

 

Sobre o programa

O público-alvo do Frentes da Cidadania são adolescentes que estejam ou tenham cumprido medida socioeducativa e pessoas em situação de vulnerabilidade social, como moradores em situação de rua, dependentes químicos em recuperação, mulheres vítimas de violência, reeducandos que tenham cumprido pena e desempregados cujas famílias estejam em situação de vulnerabilidade. Também é necessário morar em Araraquara há pelo menos dois anos e estar cadastrado no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal. A previsão é que sejam abertas mais vagas até o final do semestre.

 

Espaço Kaparaó

Endereço: Avenida Juiz de Direito Dr. João Pires de Camargo, nº 1.382 – Vila Yamada.

Telefone: (16) 3324-8809 / 3336-4866.

E-mail: espacokaparao@araraquara.sp.gov.br

 

Confira as fotos aqui

Compartilhe

Leave a Reply